5 passos para começar a vender pela internet

Já fazem alguns anos que a internet abriu portas para que as empresas e lojas pudessem alcançar novas pessoas e adotar um novo formato de vendas. Porém, nos últimos dois anos, os quais vivenciamos uma pandemia que instalou a necessidade de exploração ainda maior do digital, é quase que indispensável não pensar na inserção do seu negócio nesse mundo tecnológico.

Apesar de ser uma ferramenta muito crescente e presente na atualidade, vender pela internet não é algo simples, e para fazer isso com qualidade, é preciso ter muito planejamento e preparo. Então, foi pensando nesse ponto que preparamos um guia para te ajudar a fazer tudo o que você precisa para dar início nas suas vendas digitais. Bora lá?

Para conseguir se organizar e realmente dar o pontapé inicial nas vendas online, existem 5 passos que vão te orientar melhor:

1. Montar um plano de negócio

É um processo burocrático e trabalhoso, mas é o primeiro passo para iniciar suas vendas digitais e ter uma visão mais ampla do seu empreendimento. Esse plano de negócio deve ser um documento que contenha uma estrutura definida da sua empresa e pode conter quais são os seus produtos, valores e missão, além de quais são os principais objetivos e meios necessários para alcançá-los. Para te ajudar nessa etapa, é interessante que haja uma análise de mercado e concorrentes, e também um plano financeiro, operacional e de marketing.

Caso precise de uma ajuda maior, a Sebrae possui um documento muito completo que te auxilia a entender melhor como fazer seu plano de negócio. Para acessá-lo, é só clicar aqui.  

2. Definir um canal de vendas

Um canal de vendas é basicamente o local onde você decide inserir e divulgar seus produtos ou serviços. Até um tempo atrás, era muito mais comum vender pela internet através de sites, mas com a tecnologia amadurecendo e trazendo vários outros canais de vendas, como aplicativos e redes sociais, por exemplo, é necessário realmente entender qual deles é mais adequado para sua necessidade.

E como entender qual Canal de Vendas é o mais ideal para você?

Para chegar a essa conclusão, é interessante que você comece a observar qual o seu público-alvo e onde ele está mais ativo, além de estudar cada um dos canais de vendas para entender o que ele pode te oferecer de benefícios, mas quais serão os desafios também. Outro ponto importante é testar, e nada melhor do que colocar na rua (como gostamos de falar por aqui) para ver como seu negócio vai responder a essa estratégia.

3. Focar na experiência do cliente

Como falamos anteriormente, a venda digital é algo crescente e em ascensão, o que faz com que muitas empresas façam uma realidade dessa ação. A partir disso, se torna primordial que a experiência do usuário no seu ambiente online seja diferenciada para que a atenção e confiança sejam capturadas. O que torna seu trabalho único, depende desde os seus anúncios apresentando a marca até a entrega do serviço ou produto.

Quais algumas das experiências que devem estar no seu radar?

-Navegação no seu canal de vendas;

-Qualidade das mídias e das informações disponíveis;

-Comunicação e identidade visual;

-Atendimento ao cliente;

-Processo de compra;

-Entrega do serviço ou produto.

4. Invista em segurança

A probabilidade de um golpe ocorrer através de compras online é muito maior do que em lojas físicas, e isso é um fato. Essa realidade acaba influenciando as pessoas a não comprarem pela internet e mostra ser uma real preocupação dos usuários. Dessa forma, escolher plataforma seguras de pagamento, ou investir em certificados de segurança para o site podem mudar todo o jogo do seu negócio.

5. Estruturar uma gestão eficiente

Por fim, não ache que apenas a experiência do cliente é algo importante para ser estruturada. Os bastidores de toda sua operação é um pilar que precisa de toda atenção e dedicação também, aliás, se ele não estiver redondo pode afetar negativamente todo o funcionamento da empresa. Então se empenhe e dedique tempo para pensar muito bem em como administrar, por exemplo, os estoques de produtos, processos de pagamento, área financeira, logística e até mesmo o relacionamento com seus parceiros e fornecedores.

Agora que você já sabe algum dos principais pontos que te ajudam a iniciar suas vendas na internet, não tem tem mais desculpas para postergar esse processo, né?

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.